Todos por São Luís

domingo, 14 de junho de 2015

Governo do Maranhão apoia grandes investimentos do setor agropecuário na Região Sul do Estado



Fábrica de ração da Notaro em Balsas
Como parte da política de incentivo à agropecuária e verticalização das cadeias produtivas no Maranhão, o Governo do Estado está atraindo investimentos do setor privado e apoiando a instalação de grandes empresas. A Notaro Alimentos está ampliando suas atividades agroindustriais, com a implantação uma nova unidade operacional em Balsas, gerando mais de R$ 50 milhões por mês, com mais de 90% revertidos para o estado, com emprego, renda e dinamização da economia na Região Sul do Maranhão.
A unidade já conta com fábrica de ração, que produzirá uma média de 90 toneladas/hora, incubatório, com capacidade para 3,5 milhões de pintos por mês, além das granjas matrizes, que estão em fase inicial e que em seu pleno funcionamento alcançarão a marca 4,4 milhões de ovos/mês, e dos frigoríficos, que abaterão 150mil aves/dia.
No total, são R$ 292 milhões investidos e 2500 empregos diretos gerados. O empreendimento já recebeu a visita do governador Flávio Dino, durante a inauguração de sua pedra fundamental, em maio.
As primeiras 57 mil aves dos quatro núcleos iniciais da granja de recria, que chegaram para o núcleo de recria na quarta e na quinta-feira, 10 e 11, foram recebidas por uma equipe da Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged), que coletou material dos animais para análise e verificou estar tudo de acordo com as normas sanitárias.
Honaiser com Brandão e o executivo da Notaro
“Quando um empreendimento como esse inicia suas atividades, a população do seu entorno é beneficiada, com geração de empregos diretos e indiretos, aumento da demanda do setor de serviços e surgimento de uma cadeia de fornecedores. Isso significa crescimento para a região e mais riqueza e qualidade de vida para as pessoas”, observa o secretário de Agricultura e Pecuária, Márcio Honaiser.








Nenhum comentário:

Postar um comentário