Todos por São Luís

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

2 bilhões de reais enterrados em BACABEIRA. Deputado diz que foi golpe eleitoral

O deputado estadual Othelino Neto (PCdoB) reagiu, por meio das redes sociais, ao anúncio de confirmação do fim do projeto da refinaria Premium I, em Bacabeira, no Maranhão e afirmou que tudo não passou de um “golpe eleitoral”. Ele disse que o Tribunal de Contas da União (TCU) e o Ministério Público Federal (MPF) precisam se posicionar diante  da questão para esclarecer onde foram parar mais de R$ 2 bilhões gastos com o empreendimento que nunca saiu do papel  e consumiu todo esse recurso dos cofres públicos.

“Estou na expectativa do que vão fazer o Tribunal de Contas da União e o Ministério Público Federal sobre o escândalo do fim da Refinaria Premium I, em Bacabeira, no Maranhão. Afinal, foram mais de R$ 2 bilhões jogados fora. Aliás, nos bolsos de alguns”, disse Othelino Neto por meio de sua página no Facebook.
Por meio de sua conta no Twitter, Othelino lembrou que, quando o então Bloco de Oposição denunciava o golpe eleitoral da refinaria, o grupo Sarney dizia que os deputados torciam contra o Maranhão. “O embuste da Refinaria Premium de Bacabeira, tantas vezes denunciado, foi desmascarado de uma vez por todas pelo Governo Federal”, disse.

Muito dinheiro consumido

A Petrobras alegou que as duas refinarias Premium, no Ceará e no Maranhão, que não saíram do papel, geraram uma baixa contábil de R$ 2,707 bilhões: R$ 2,111 bilhões da Premium I, no Maranhão, e R$ 596 milhões, da Premium II.

A companhia atribuiu a desistência dos projetos das refinarias à falta de parceiros e à revisão das expectativas de crescimento do mercado de combustíveis. A decisão de descontinuar os projetos, segundo a companhia, foi tomada no último dia 22 de janeiro.

“Fico imaginando quantas escolas, quantos hospitais poderiam ter sido construídos com esse dinheiro todo (mais de R$ 2 bilhões) gasto para a “implantação” da Refinaria Premium I, em Bacabeira, no Maranhão. Recursos que poderiam formar cidadãos e salvar vidas, simplesmente, desperdiçados”, frisou Othelino Neto.

Pronatec Agro conclui primeiros cursos

O Pronatec Agro, programa de capacitação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), em conjunto com o Ministério da Educação (MEC), começa a concluir os primeiros cursos neste mês, com cerca de 4.500 alunos capacitados.
A expectativa é que a oferta de capacitações cresça cerca de 500% já no primeiro semestre desse ano, pulando para 23.600 formandos até julho de 2015, alinhando o Mapa com o novo slogan do Governo Federal: Brasil – Pátria Educadora. O Programa, que tem o SENAR como um dos principais parceiros, oferece cursos gratuitos nas escolas públicas federais, estaduais e municipais e ainda nas unidades de ensino do SENAI, SENAC e SENAT e em instituições privadas de ensino superior e de educação profissional técnica de nível médio.
“Precisamos nos unir e preparar técnicos, produtores rurais e jovens empreendedores para otimizar o trabalho no campo, melhorar a gestão da agropecuária, ampliar o acesso as tecnologias e promover a adoção de práticas sustentáveis”, afirma Caio Rocha, secretário de Desenvolvimento Agropecuário e Cooperativismo do Mapa.
O Pronatec Agro oferece cursos como Assistente de Planejamento e Controle de Produção; Operador de Máquinas e Implementos Agrícolas, Auxiliar de Agroecologia; Horticultor; Forragicultor; Produtor de Embutidos e Defumados, entre outros.
A Ministra Kátia Abreu elegeu como uma de suas prioridades à frente do Mapa a qualificação dos produtores rurais. “A assistência técnica é a forma de ascensão no meio rural”, diz. “Não basta darmos crédito, o produtor tem que estar preparado para usá-lo da melhor forma”, completa.


Imagem do dia: Roberto Rocha renuncia...

Senador eleito Roberto Rocha entrega a carta-renúncia ao prefeito de São Luís

Parceria garante sistema produtivo a mulheres da zona rural do Maranhão


Cerca de três mil mulheres do Maranhão serão beneficiadas pelo Sisteminha Embrapa, programa que garante à população do meio rural acesso a uma tecnologia inovadora de produção integrada de alimentos. A primeira etapa da proposta será colocada em prática por meio de parceria entre as secretarias da Mulher (Semu) e Agricultura Familiar (SAF).

Adelmo Soares, sec. agricultura familiar
A ação vai priorizar mulheres trabalhadoras da zona rural que moram nos 30 municípios com menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) no estado. Elas terão um crédito de R$ 2.700,00 e um cartão corporativo para receberem o valor em parcelas. Além disso, receberão assistência técnica e participarão de políticas públicas de enfrentamento à violência. Um mapeamento dessas políticas foi iniciado nos locais que receberão o benefício.

Laurinda Pinto, sec. da mulher
A parceria entre as duas secretarias foi consolidada em uma reunião, este mês, entre os secretários Adelmo Soares (Agricultura Familiar) e Laurinda Pinto (Mulher) e técnicos das duas pastas para avaliar formas de estimular a autonomia econômica das mulheres do campo. “A ideia é mostrar a elas a possibilidade de melhorar a organização produtiva”, afirmou Laurinda Pinto.

O secretário de Agricultura Familiar, Adelmo Soares, informou que serão disponibilizados 90 técnicos do Instituto de Agronegócios do Maranhão (Inagro) para a ação. Eles serão capacitados por técnicos da Semu para atuarem nos municípios contemplados.


Deoclides Macedo é diplomado pelo TRE

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão, desembargador Froz Sobrinho, diplomou nesta quinta-feira, 29 de janeiro, Deoclides Macedo (PDT) suplente de deputado federal eleito pela coligação “Todos pelo Maranhão 2” nas eleições 2014.
A diplomação certifica que o candidato cumpriu as formalidades previstas na legislação eleitoral e está apto a exercer o mandato. A prestação de contas dele foi aprovada com ressalvas na sessão jurisdicional do dia 27.
Em 12 de janeiro, o TRE-MA realizou o reprocessamento do resultado do 1º turno das eleições 2014 em cumprimento à decisão monocrática do ministro Dias Toffoli (presidente do Tribunal Superior Eleitoral) proferida na Ação Cautelar 1935-81.2014.6.00.0000.
O reprocessamento se deu para contabilizar os 56.171 votos recebidos por Deoclides Macedo, que concorreu sub judice ao cargo.
Fonte: Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MA)

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Agricultura de São Luís tem novo gestor

O Prefeito Edivaldo empossou na tarde desta quinta-feira (29) o novo secretário municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento (SEMAPA), Aldo Rogério Ribeiro Ferreira. Ele tem como compromisso fortalecer e dar continuidade às ações de planejamento e execução das políticas municipais de produção agropecuária, agroindustrial, de abastecimento e pesqueira, com foco nas atividades geradoras de trabalho e renda.
Em seu pronunciamento, o prefeito destacou que o novo secretário já mostrou sua competência auxiliando na Secretaria de Desporto e Lazer, onde era secretário adjunto, e hoje assume a Semapa, no lugar do Marcelo Coelho que agora é secretário no governo do Estado. "Esta é uma grande missão e desejamos muito sucesso nesta nova pasta que tem um papel importante nesta gestão", disse Edivaldo.
O senador e ainda vice-prefeito de São Luís, Roberto Rocha participou da cerimônia ao lado do prefeito. A solenidade, realizada no gabinete da prefeitura, contou ainda com a participação de vereadores, secretários municipais, entre eles o secretário de Governo, Lula Fylho, lideranças comunitárias e familiares do secretário empossado. "Este é um momento muito importante e espero que Deus me conduza para realizar um bom trabalho à frente da pasta, de maneira a contribuir para o alcance das metas do prefeito Edivaldo", disse Aldo Rogério.


Incra destina R$ 22 milhões para realização de obras de infraestrutura em assentamentos no Maranhão

O superintendente regional do Incra no Maranhão, Jowberth Alves se reuniu nesta última terça-feira (27), com prefeitos de municípios que irão executar obras de infraestrutura em assentamentos de reforma agrária durante o ano de 2015. O encontro ocorreu na sala de reuniões do gabinete, na Superintendência do órgão, no bairro do Anil.
Ao longo do ano serão executados 12 convênios, sendo que 11 são referentes à primeira Chamada Pública de Infraestrutura realizada pelo Incra/Sede em 2014. Um dos convênios é fruto de emenda parlamentar proposta pelo deputado federal Cleber Verde. Todos os convênios visam a implantação, recuperação ou melhoramento de estradas vicinais que dão acesso a projetos de assentamento do Incra.
Os 12 convênios juntos somam um investimento de R$ 22.176.521,73 e atenderão os municípios de Araguanã; Arari; Balsas; Mirador; Presidente Juscelino; Matinha; São Benedito do Rio Preto; Zé Doca; Chapadinha e Vitória do Mearim.
Parceria
Durante a reunião o superintendente do Incra-MA, Jowberth Alves, ressaltou a importância da parceria com os municípios para realização de obras  nos assentamentos com o intuito de melhorar a qualidade de vida das famílias assentadas.
Falando de parcerias, a superintendente substituta do Incra-MA, Fátima Santana, enfatizou a necessidade destas Prefeituras também assinarem o Termo de Cooperação com o Incra-MA para implantação da Sala da Cidadania digital, com o objetivo de oferecer ao cidadão alguns serviços disponibilizados pelo Incra no próprio município.
O prefeito do município de Mirador, Joacy de Andrade Barros, afirmou que o município não conseguiria realizar a recuperação de estradas nos assentamentos sem a parceria com o Incra.           “Recebemos várias demandas para recuperação desta estrada entre os assentamentos Santana Morrinhos e Giki, mas não tínhamos condição de atender. Agora iremos receber cerca de R$ 2,7 milhões do Incra-MA e faremos a obra que vai favorecer a melhoria do transporte e escoamento da produção”, disse.
Participaram da reunião os prefeitos Valmir Amorim (Araguanã); Djalma Machado (Arari); Joacy Barros (Mirador); Afonso Celso Teixeira (Presidente Juscelino); Marcos Costa (Matinha) e Alberto Gomes (Zé Doca).
Próximas etapas
De acordo com servidor responsável pelo setor de convênios do Incra-MA, George Aragão, as prefeituras precisam realizar licitação para contratação da empresa que executará a obra e, em seguida, lançar toda a documentação do processo licitatório no Sistema de Convênios do governo federal (Siconv). “Depois que o contrato com a empresa for assinado, publicado no Diário Oficial da União e lançado no Siconv, a Prefeitura deposita a contrapartida do convênio e o Incra-MA paga a primeira parcela para início das obras”, detalhou.
George explicou também que depois de realizada a primeira etapa da obra, os engenheiros do Incra-MA farão uma fiscalização do que já foi executado para, em seguida, ser liberado o pagamento da segunda parcela.
Finalizando a reunião, o superintendente Jowberth Alves, informou aos prefeitos que continua aberta até o dia três de março de 2015, a segunda Chamada Pública de Infraestrutura do Incra, visando o recebimento de propostas para implantação de obras de infraestrutura (estrada e poços) em projetos de assentamento. O edital pode ser acessado aqui. 


Mais de mil alunos da rede municipal participam do Festival Maranhão na Tela

Cerca de 1,2 mil alunos da rede municipal de ensino estão participando do 7º Festival "Maranhão na Tela". Por meio de parceria firmada ente a Prefeitura de São Luís e o governo do estado, estudantes de 34 Unidades de Educação Básica (U.E.B.) estão tendo a oportunidade de ampliar seus conhecimentos sobre a sétima arte, aliando a diversão com o enriquecimento cultural.
Até sexta-feira (30), alunos de 24 escolas de Ensino Fundamental e dez creches assistem às sessões especiais do Festival de Animação Estudantil (Animarte), realizadas às 9h e às 14h30 no Cine Praia Grande e no teatro Alcione Nazaré.
O secretário municipal de Educação, Geraldo Castro Sobrinho, diz que a parceria segue a orientação do prefeito Edivaldo, de promover o regime de colaboração entre as diversas instâncias do poder público e assegurar o acesso à cultura para as crianças e adolescentes de São Luís.
"Além do ensino regular, a garantia de uma educação de qualidade passa pelo acesso a atividades de lazer, esporte e cultura. Assim, amplia-se o conhecimento e vivência dos estudantes para um desenvolvimento mais sadio e que valorize a formação cidadã", ressaltou o titular da Semed.
Liana Cristina Sousa, gestora adjunta da U.E.B. Zuleide Andrade, localizada no povoado Maracujá, zona rural de São Luís, disse que achou muito interessante a iniciativa de convidar os estudantes para assistir à produção apresentada no festival. "Os alunos ficaram eufóricos e com muita expectativa por causa deste convite. Uma atividade como essa é importante porque representa um incentivo para conhecer os produtos culturais", destacou a gestora.
Giovanna Santos Aguiar, 11, estudante da U.E.B. Uruati, também na zona rural, disse que os filmes do festival são muito diferentes do que está acostumada a ver, mas que gostou deles. "As animações tratavam de diversos assuntos, envolvendo meio ambiente, reciclagem, lixo... achei legal", afirmou.
O FESTIVAL
Em sua 7ª edição, o Festival inova trazendo o Anim!Arte, que tem como objetivo incentivar a cultura e o crescimento profissional e artístico na área de animação entre os estudantes. O Maranhão na Tela é um festival de cinema focado no fomento à produção audiovisual maranhense, realizado anualmente pela Secretaria de Estado da Educação com a equipe do Festival. Este ano, a Seduc firmou parceria com o município para ampliar as ações de Formação de Platéia do projeto Núcleo Arte Educação. Toda a programação está disponibilizada no site oficial do Festival: www.maranhaonatela.com.br.


I Encontro Estadual do Secretários de Esporte e lazer do Maranhão

A Secretaria de Esporte e Lazer do Maranhão e o Ministério do Esporte do Brasil Esporte, promovem no dia 7 de Fevereiro (sábado), das 08h00 às 19h00, no Hotel Luzeiros, Ponta do Farol o I Encontro Estadual do Secretários de Esporte e lazer do Maranhão.
Na ocasião teremos a apresentação de palestras e painéis sobre os programas federais para o desporto, o novo JEM's (Jogos Escolares Maranhense) e muito mais...
Se você, Secretário Municipal de Esporte e Lazer ainda não foi contactado, entre em contato com a SEDEL através dos números (98) 21095954 e 2109.2950 (Falar com Joanina ou Maxwell Guerra) das 13 às 19hs e confirme a sua presença.

"O Maranhão deixa a província para entrar na republica" - proposta da marca do novo governo


O sonho acabou/Refinaria de Bacabeira, um pesadelo de R$ 2 bilhões de reais...

- A companhia, diante dos resultados econômicos alcançados até o momento, consideradas as taxas previstas de crescimento dos mercados interno e externo de derivados e da ausência de parceiro econômico para a implantação, condição prevista no Plano de Negócios e Gestão da Companhia, PNG 2014-2018, entendeu que deveria encerrar estes projetos de implantação -explica o relatório do balanço.

quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

Sustentabilidade/Governo Federal incentiva agricultura de baixa emissão de carbono

A agricultura de baixa emissão de carbono tem sido importante para produtores rurais de todo o Brasil, a fim de que possam adotar tecnologias de produção sustentável, aumentar a produção e consequentemente a renda dos agricultores. O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) incentiva essas técnicas que ajudam a preservar o solo e a água por meio da Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e Cooperativismo (SDC).
Diversos convênios têm sido firmados para que as tecnologias sejam implantadas no campo em todos os estados do país. No Pará, a SDC firmou contrato com a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater-PA) para a implementação de projeto de prestação de serviços de assistência técnica e extensão rural para produtores no âmbito da agricultura de baixa emissão de carbono. Os cursos serão voltados para famílias agroextrativistas para a certificação de produtos orgânicos no estado.
Para o Amazonas, foi firmado convênio com a Secretaria de Estado de Produção Rural do Amazonas para a capacitação e divulgação de tecnologias como recuperação de pastagens degradadas, integração Lavoura-Pecuária-Floresta (iLPF), sistemas agroflorestais, Plantio Direto, Florestas Plantadas, entre outras, na região.
A agricultura de baixa emissão de carbono também será implementada no setor agropecuário do Rio Grande do Sul e do Distrito Federal por meio de convênios firmados com a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Agronegócios do Rio Grande do Sul e com a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater-DF). Tanto no Rio Grande do Sul quanto no Distrito Federal serão realizadas capacitações e no DF, serão implantadas unidades de referência para a transferência de tecnologias.


TRE mantém prefeito de Arari no cargo...

Nesta terça-feira, 27 de janeiro, os membros do Tribunal Regional Eleitoral julgaram procedente, por maioria, recurso eleitoral interposto por Djalma de Melo Machado e José Francisco Martins Pereira, prefeito e vice-prefeito de Arari (eleitos em 2012), contra sentença de primeiro grau que cassara seus diplomas. Com a decisão, o TRE-MA mantém ambos no comando do executivo municipal.
Relator do processo, o desembargador Guerreiro Júnior votou pela cassação, sendo acompanhado por Clodomir Reis e Maria José França Ribeiro, que substituiu Eulálio Figueiredo (impedido). Já Daniel Blume, à época do início do julgamento, divergiu, alegando que as provas acostadas aos autos não eram robustas o suficiente para caracterizar compra de votos.
O entendimento de Blume foi seguido por Alice Rocha e Eduardo Moreira, que, em voto-vista apresentado na sessão jurisdicional desta terça (27), concordou não haver comprovação de ilícito por parte dos acusados. Com o placar empate, coube ao desembargador Froz Sobrinho (presidente) votar. Ele manifestou-se pelo provimento do recurso, encerrando a votação em 4 a 3.
Fonte:  Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MA)

Governo firma parceria para financiamento de R$ 3 milhões na produção audivisual

Dino com o diretor da Ancine, Marcio Jerry e e Esther Marques da  cultura

terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Governo estuda rede que simplifica abertura de empresas

O Governo do Estado quer instalar, no Maranhão, a Rede Nacional para Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios (RedeSim). A viabilização da proposta foi considerada prioridade em reunião do presidente da Junta Comercial do Maranhão (Jucema), Sérgio Sombra, com o secretário de Indústria e Comércio, Simplício Araújo, e o superintendente do Serviço de Apoio as Micro e Pequenas Empresas do Maranhão (Sebrae/MA), João Batista Martins, nesta segunda-feira (26), em São Luís.
A RedeSim vai simplificar e diminuir o tempo e o custo para a abertura de empresas, além de compatibilizar e integrar procedimentos, evitando a duplicidade de exigências e gerando informação compartilhada, entre outros benefícios. Na reunião, os vários setores do Governo do Maranhão definiram suas competências para que a rede funcione plenamente este ano.
“É um instrumento fundamental para o desenvolvimento do estado, pois vai facilitar e incentivar a formalização das empresas”, disse Sérgio Sombra. O secretário Simplício Araújo informou que a rede deve começar, inicialmente, em 90 municípios maranhenses.
Participaram também da reunião, a gerente da Unidade de Políticas Públicas do Sebrae/MA, Cristiane Correa, o secretário Adjunto da Seinc, Pierre Januário, e o superintendente de novos negócios da secretaria, Saulo Giovani.


"Tubarão Branco" agora é do Mengão!

Jonas, de 23 anos, agora é jogador do Mengo
O Flamengo confirmou na noite desta segunda-feira a contratação do volante Jonas, de 23 anos, que disputou a Série B ano passado pelo Sampaio Corrêa, do Maranhão. O jogador esteve muito perto de acertar com o Corinthians, mas desistiu da transferência no último sábado. Ele assinou contrato de quatro anos com o rubro-negro carioca. A apresentação oficial está prevista para quarta-feira, pela manhã, no Ninho do Urubu.
- Estou muito feliz. Graças a Deus e com muito esforço e trabalho consigo o que almejei: jogar em um time como o Flamengo. A felicidade é muito grande, até porque minha família toda é flamenguista. Agora poderei vestir a camisa rubro-negra com minha família torcendo junto – afirmou Jonas ao site oficial do novo clube.
Jonas é o sexto reforço do Flamengo para a temporada, após Marcelo Cirino, Arthur Maia, Thallyson, Pará e Bressan. No início do ano, depois de anunciar os cinco primeiros reforços, a diretoria rubro-negra prometeu mais dois até o fim de janeiro. Embora falte apenas um nome para cumprir a meta, o clube trabalha em duas frentes para fechar o elenco: o meia argentino Montillo, que está insatisfeito no Shandong Luneng, da China, e já declarou seu desejo de atuar pelo rubro-negro, e o volante Cícero, cujo futuro no Fluminense depende de negociações com a antiga patrocinadora do tricolor.


Prefeitura dobrou número de salas de recurso para atendimento a estudantes

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), reforçou o atendimento a estudantes com deficiência com a implantação de 39 novas salas de recurso ao longo da atual gestão. No início de 2013, a rede municipal de ensino dispunha de 77 salas de recurso. Hoje, são 116 – um aumento de mais de 50% em dois anos.
As salas de recurso multifuncionais são espaços construídos e mantidos pela Prefeitura de São Luís para receber, no contraturno escolar, crianças e adolescentes com deficiência, transtornos globais de desenvolvimento e altas habilidades ou superdotação. Elas possibilitam atendimento educacional especializado e atendimento individual para, a partir do conhecimento das necessidades específicas de cada aluno, promover o estímulo adequado das áreas necessárias e potencializar o aprendizado. Atualmente, a Prefeitura de São Luís atende a 730 estudantes nesses espaços.
O secretário municipal de Educação, Geraldo Castro Sobrinho, destacou o trabalho desenvolvido nas salas de recurso e o empenho do prefeito Edivaldo em assegurar uma educação inclusiva a todos os estudantes matriculados na rede escolar de São Luís. “Temos promovido a otimização dos atendimentos na área de Educação Especial, bem como aumentado progressivamente a oferta de cursos e oportunidades de formação na área. O competente e dedicado trabalho desenvolvido pelos educadores que atuam nas salas de recurso é mais um passo em direção à nossa meta, que é a de melhorar cada vez mais a qualidade da educação oferecida pela rede municipal de ensino de São Luís”, disse Geraldo Castro.
A ampliação no número de salas de recurso veio a partir de uma parceria com o governo federal, por intermédio do Ministério da Educação. Com a parceria, foram adquiridos kits de informática, cada um com dois notebooks e uma impressora; e kits de material pedagógico, com jogos de memória, alfabeto móvel, tapete alfabético, dominó em Libras e em números, esquema corporal e kit de lupas. A Prefeitura de São Luís, por sua vez, reforçou o quadro de professores das salas com a contratação de novos profissionais mediante processo seletivo simplificado, disponibilizou oportunidades de formação continuada e proporcionou espaço adequado nas escolas para a implantação das salas.
ALTAS HABILIDADES
Victor Gabriel Marques Rios, 6 anos, estuda na Unidade de Educação Básica (U.E.B.) Bernardina Spíndola, no Centro. Identificado com altas habilidades aos três anos de idade, ele é atendido na sala de recurso da U.E.B. Luís Serra, próxima à sua residência. Agora, ele se prepara para iniciar um novo desafio: aprovado em 1º lugar no seletivo de uma prestigiada escola particular de São Luís, o garoto recebeu uma bolsa de estudos integral.
Vera Lúcia Marques Barbosa, mãe de Victor Gabriel, diz que o trabalho desenvolvido nas salas de recurso foi fundamental para o desenvolvimento integral do estudante, que aprendeu a ler sozinho, com dois anos e dois meses, mas tinha dificuldades com a escrita, coordenação motora e socialização. “Depois que o Victor começou a frequentar esse espaço, ele desenvolveu a escrita, o relacionamento com os colegas e até começou a organizar melhor seus horários para brincar e estudar”, comentou a mãe. Foi da professora da sala de recursos a ideia de inscrever o filho em um processo seletivo de escola particular. “Eu disse não várias vezes e foi a professora da sala de recursos que me convenceu. Nunca imaginei que alguém da minha família teria uma oportunidade como esta”, disse.
“Quando ele chegou aqui, aos três anos, o vi certa vez parado de frente para um cartaz no pátio e parecia que estava lendo, mas não dei muita atenção. Até que a professora dele, nos primeiros dias de aula, nos chamou para dizer que tinha um aluno que já sabia ler”, contou Ruth Pereira Rocha, coordenadora pedagógica da escola.
A matéria que Victor mais gosta de estudar é matemática. “Eu já sei ler, então o que eu mais gosto de fazer agora é brincar com os números”, diz o garoto. Ele diz que vai sentir falta dos colegas da U.E.B. Bernardina Spíndola, mas conta que já visitou a nova escola e gostou muito do ambiente e do parquinho, por causa do escorregador. “Quero fazer muitos amigos, estudar e brincar muito na nova escola”, discorre Victor Gabriel – de grande potencial e de muitos talentos.
SAIBA MAIS
A implantação das salas de recursos passou a ser obrigatória a partir de 2008, quando foi aprovada a Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva. Atualmente, todos os sete núcleos geográficos em que está dividida a rede municipal de ensino possuem escolas equipadas e com salas de recursos em funcionamento. A Superintendência da Área de Educação Especial (SAEE) da Semed possui uma equipe técnica de aproximadamente 50 profissionais que atuam nas escolas para viabilizar ações que priorizem o atendimento às crianças e adolescentes com necessidades educacionais especiais, bem como orientação e acompanhamento das famílias desses alunos.


Flávio Dino reúne prefeitos para articular ações nos 30 municípios do ‘Mais IDH’

O governador Flávio Dino e o vice Carlos Brandão recepcionaram, nesta segunda-feira (26), prefeitos e sindicalistas para apresentar o conjunto de ações que serão articuladas pelo Executivo Estadual para alavancar os indicadores sociais dos municípios contemplados com o Plano de Ação ‘Mais IDH’. A reunião, no Palácio dos Leões, teve o intuito de convocar os prefeitos a unirem esforços para viabilizar ações concretas que garantam condições de vida digna a todos os maranhenses.

As ações do Plano de Ação ‘Mais IDH’ beneficiarão os 30 municípios com menor desempenho no Índice de Desenvolvimento Humano no Maranhão, projeto que compõe o programa de governo debatido com a população durante o ano de 2014. Articulando as secretarias responsáveis pelas políticas públicas que serão implementadas já em 2015 em cada município que integra a lista daqueles com IDH mais baixo, o Estado promoverá ações focadas na promoção de qualidade de vida nesses locais.
 O governador explicou aos presentes cada uma das ações que serão implementadas ao longo dos próximos meses. Os secretários que integram o Comitê Gestor detalharam as ações que serão conduzidas em cada pasta, que terão direcionamento para as áreas da Educação, Atenção Básica à Saúde, melhoria do Saneamento, Habitação, Produção Agrícola, Combate ao Analfabetismo e à Fome, entre outros.
 Segundo Flávio Dino, a diretriz da gestão é garantir que esses municípios dêem um grande salto na qualidade de vida em um curto espaço de tempo, pois, pela primeira vez, terão atenção direcionada pelo poder estadual. “Tendo vontade política, vamos atrás de todas as condições financeiras e institucionais para fazer acontecer”, garantiu o governador ao explicar que está buscando pessoalmente o apoio do Governo Federal e dos municípios para realizar as ações num esforço conjunto.
O governador afirmou ainda que verbas do Fundo Maranhense de Combate à Pobreza e as parcerias com a União e outras entidades do poder público darão viabilidade a cada uma das ações.
 O presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão, Gil Cutrim, enalteceu a iniciativa do governador em ouvir os prefeitos, estabelecendo um marco no diálogo entre o governo estadual e os municípios. De acordo com o presidente, essa foi a primeira vez que a maioria dos prefeitos foram convidados a estar no Palácio dos Leões. 
 “Estou encantado com esta tarde que vai ficar para a história do Maranhão. Durante o encontro o governador demonstrou que conhece o nosso estado e que tem interesse em construir uma gestão participativa onde os prefeitos possam discutir a implementação de ações para que o Maranhão tenha um futuro promissor”, disse Gil Cutrim.
 A reunião foi elogiada pelos prefeitos, que se comprometeram em colaborar com as ações em prol da melhoria da qualidade de vida dos moradores. “Estamos de portas abertas para receber e colaborar com esse trabalho que vai tirar o nosso município desse cenário. Queremos que Fernando Falcão seja um dos melhores lugares para se morar e, para isso, estou pronto para ajudar a elevar os índices socioeconômicos do Estado”, disse o prefeito Antonio Moacir de Santana, do município Fernando Falcão, primeiro na lista de pior IDH.
 O município de Lagoa Grande do Maranhão, com 12,8 mil habitantes, está na sexta colocação no ranking. O prefeito Jorge Melo Dias afirmou que irá se empenhar para que o Maranhão possa superar o estado de extrema pobreza. “Elogio a iniciativa do governador Flávio Dino em fazer esse chamamento aos prefeitos para compor essa força tarefa. A instituição dessas políticas públicas alcançarão a população mais carente e fará com que o Maranhão possa sair desse triste cenário”, disse.
 Indicadores dos municípios
 O Estado está construindo um diagnóstico preliminar dos 30 municípios com menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). A metodologia para levantamento dos indicadores sociais foi debatida pelo Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos (Imesc) com representantes de dez órgãos que compõem o Comitê Gestor do Plano ‘Mais IDH’.
 Os dados e indicadores vão levar em consideração as ações que devem ser promovidas nas áreas de saúde e saneamento básico, renda e educação. O Imesc apresentou diagnóstico da situação atual dos municípios e destacou o trabalho das secretarias como fundamental para formação de um banco de dados que terá a função de ajudar a planejar as ações do Comitê Gestor.
 Ações apresentadas pelo Comitê Gestor
 Direitos Humanos:
-Promoção do acesso à documentação e à informação.
-Realização do Mutirão Mais IDH e instituição dos Comitês Municipais do Mais IDH.
-Mobilização, articulação e capacitação dos Fóruns Mais IDH.
 Educação:
-Valorização do magistério.
-Melhoria da infraestrutura das escolas.
-Alfabetização de crianças e adultos.
-Investimento nas tecnologias educacionais.

Saúde:
-Implementar o monitoramento e a avaliação das atividades dos agentes comunitários de saúde.
-Potencializar ações na área da atenção básica.
-Realizar estações de saúde e busca ativa para pacientes de risco e/ou sintomáticos para endemias negligenciadas.
-Intensificar cadastro e monitoramento e vigilância em saúde com foco nas crianças (menores de cinco anos), gestantes hipertensos e diabéticos.

Produção agrícola e agricultura familiar:
-Assegura assistência técnica e extensão rural às famílias beneficiárias do plano.
-Estimular, fomentar e garantir o apoio para a promoção da segurança alimentar e nutricional.
-Promover a inserção dos agricultores familiares no mercado institucional (Programa de Aquisição de Alimentos e Programa Nacional de Alimentação Escolar).
-Coordenar e gestar a concessão de fomento para a implantação de sistemas integrados alternativos para a produção de alimentos.

Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema):
-Ampliação ou implementação do sistema de abastecimento pleno de água tratável na sede dos municípios


Desenvolvimento Social:
-Implantação de 30 cozinhas comunitárias
-Assessorar a politica de segurança alimentar
-Inserção dos municípios no Programa Brasil Carinhoso e Brasil sem Miséria
 Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos (Imesc):
-Levantamento dos dados
-Realização dos diagnósticos
-Apoio aos comitês municipais
-Monitoramento das ações
 30 municípios com menor IDHM
Fernando Falcão, Marajá do Sena, Jenipapo dos Vieiras, Satubinha, Água Doce do Maranhão, Lagoa Grande do Maranhão, São João do Carú, Santana do Maranhão, Arame, Belágua, Conceição do Lago-Açú, Primeira Cruz, Aldeias Altas, Pedro do Rosário, São Raimundo do Doca Bezerra, São Roberto, São João do Sóter, Centro Novo do Maranhão, Itaipava do Grajaú, Santo Amaro do Maranhão, Araioses, Governador Newton Bello, Cajari, Santa Filomena do Maranhão, Milagres do Maranhão, São Francisco do Maranhão e Afonso Cunha.



segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Flávio Dino e a ministra Kátia Abreu debatem projetos para agricultura no MA

Honaiser(Sagrima) Kátia Abreu(Mapa) com o Flávio Dino
O governador Flávio Dino e o secretário de Agricultura do Maranhão, Márcio Honaiser, estiveram no Ministério da Agricultura e do Abastecimento para debater com a ministra Kátia Abreu soluções para o aumento e a diversificação da produção maranhense. A ministra apresentou aos representantes do Governo do Maranhão o planejamento feito pelo ministério para investimentos na região conhecida por MAPITOBA (área que integra Maranhão, Piauí, Tocantins e Bahia).
Com investimentos na infraestrutura rodoviária, ferroviária, de energia e de escoamento e armazenagem da produção, o projeto do Governo Federal deverá ter grande impacto no Maranhão. A ministra pediu o empenho do Maranhão no projeto e teve retorno positivo do governador e do secretário, que garantiram que o Governo do Estado vai atuar como colaborador para garantir as condições de agilidade para a viabilização das obras.
A atenção ao MAPITOBA vai garantir que a produção da “última fronteira agrícola do mundo” tenha maior circulação e possa ser exportada com agilidade e qualidade. Segundo Kátia Abreu, a região é prioridade para o Governo Federal, já que tem possibilidade de alavancar a produção brasileira e garantir a circulação de renda no país.
“Os investimentos previstos pelo MAPITOBA são reestruturantes para o nosso estado. Com o incremento da produção e da infraestrutura, fazemos os indicadores sociais crescerem, integrante produção, emprego e renda,” disse o governador à ministra durante a reunião.
Além dos novos projetos que devem ser realizados em sintonia entre Estado e União, a visita ao Ministério propiciou debates sobre o Porto do Itaqui, a inauguração do Terminal de Grãos e obras estruturantes para que a produção agrícola do Maranhão possa circular. Entre as reivindicações do Governo do Estado, estão a reestruturação das BR 010 e 235, além da recuperação da rodovia estadual MA-006, que corta o Estado do sul ao norte.
A visita ao Ministério da Agricultura e Abastecimento fez parte de uma agenda extensa do Governo do Maranhão em busca de parcerias para garantir o crescimento do Estado na área social nos próximos anos. Acompanhado de secretários das pastas relacionadas, Flávio Dino visitou também os ministérios das Cidades, da Ciência e Tecnologia, do Desenvolvimento Agrário e do Desenvolvimento Social e Combate à Fome.


PDT inicia série de encontros para fortalecer militância em São Luís…

Cerca de 500 pessoas participaram da primeira edição do Circuito Socialista, evento promovido pela Juventude Socialista do PDT (JSPDT) de São Luís com o objetivo de resgatar a forte militância do partido na capital maranhense. O encontro aconteceu na Vila Isabel, com atividades políticas e culturais.
A Vila Isabel, que recebeu o Movimento Jovem do partido, assistiu a uma peça que tinha como tema as drogas, produzida pelo grupo Jovens Unidos com Cristo (JUC), assistiram a exibição do filme “Muleque, té doido!?!” e tiveram bate-papo animado com uma parte do elenco do filme.
O presidente estadual da Juventude Socialistaa, Raimundo Penha, frisou a importância do evento para trazer a discussão partidária para dentro das comunidades e proporcionar uma maior participação da sociedade, dentro das atividades de um partido político.
- Sempre digo, que as pessoas precisam ser conscientizadas da importância que os partidos têm na vida da sociedade e como contribuem para a criação de políticas públicas, que melhoram a vida de todos. É importante a sensibilização de que é através da política partidária que escolhemos nossos representantes, que vão ser a nossa voz exercendo cargos eletivos ou dentro de ministérios, secretarias e os mais diversos órgãos públicos – afirmou.
Por meio de apresentações culturais, eventos esportivos, rodas de conversas, plenárias, debates e demais atividades afins das comunidades visitadas, a JSPDT busca a formação de uma juventude protagonista nas ações de políticas públicas para aquela região, realizando também o despertar da discussão política partidária, atraindo assim novos componentes a JSPDT SLZ.
Liberdade, Cidade Operária, Coroadinho e São Raimundo serão os próximos bairros a receber o Circuito Socialista.


IFMA do Maracanã abre 80 vagas nos cursos de Agropecuária e Cozinha

Estão abertas, até o dia 4 de fevereiro, as inscrições para 80 vagas nos cursos técnicos em Agropecuária e Cozinha, na modalidade Educação de Jovens e Adultos (EJA), do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IFMA) – Campus Maracanã. Podem concorrer maiores de 18 anos que tenham o Ensino Fundamental completo.

São 40 vagas para cada um dos cursos, que têm duração de três anos. Além da formação profissional técnica, os alunos cursam o Ensino Médio, de forma integrada. As aulas do curso técnico em Cozinha serão ministradas no turno matutino e os estudantes do curso técnico em Agropecuária assistirão aulas no turno vespertino.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas na sala do Núcleo de Atendimento às Pessoas com Necessidades Educacionais Específicas (Napne), das 8h às 11h e das 14h às 17h ou pelo e-mail:eja.maracana@ifma.edu.br. Mais informações pelos telefones: ( 98) 3313-8524 ou 3313-8564.

Documentos exigidos para a inscrição:

  • Original e cópia da Carteira de Identidade (RG), ou Carteira Profissional, ou Carteira de Nacional de Habilitação ou qualquer outro documento oficial com foto;
  • Original e cópia do CPF;
  • Original e Cópia da última conta de energia elétrica de sua residência (dezembro de 2014 ou janeiro de 2015)
  • Declaração emitida pela Companhia Energética do Maranhão – CEMAR, caso a residência do candidato não consuma energia elétrica.
  • Os candidatos que realizarem as inscrições via e-mail, deverão apresentar os originais de todos os documentos no ato da entrevista.