Todos por São Luís

sexta-feira, 10 de abril de 2015

UNICEF CAPACITA CONSELHEIROS TUTELARES EM SÃO LUÍS


São Luís, 10 de abril de 2015 – Os 35 Conselheiros Tutelares de São Luís (MA) estão participando nesta semana do curso “O Conselho tutelar e o enfrentamento à violência interpessoal”. A formação vai até hoje (10), em São Luís, e é fruto do projeto “Metodologias de Avaliação e Capacitação para o Enfrentamento Municipal da Violência intrafamiliar e exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”, realizado com o apoio técnico e financeiro do Fundo das Nações Unidas para a Infância – UNICEF.
A iniciativa está sendo promovida inicialmente nas cidades de São Luís, Maceió e Rio de Janeiro. De acordo com Rosangela Miranda, da equipe de articulação da Plataforma de Centros Urbanos da Sec. Municipal de Assistência de São Luís (SEMCAS), o curso visa a qualificar o atendimento a crianças e adolescentes em situação de violência, por meio da capacitação de professores, tutores,  conselheiros e toda equipe técnica da rede de atendimento.
 
“Através da Plataforma de Centros Urbanos, a Semcas, juntamente com o UNICEF, estão buscando a melhoria dos indicadores sociais, e um dos nossos objetivos é a capacitação de todo aquele profissional, servidor municipal, que trabalha diretamente com crianças e adolescentes em situação de violência, tendo em vista a melhoria do atendimento de nossas crianças e adolescentes”, explicou Rosangela.
O curso é semipresencial e de qualificação profissional. Tem a carga horária de 52h e é dividido em três etapas: dois módulos presenciais e um à distância. O Conselheiro Tutelar da área Itaqui-Bacanga, Antônio Jorge Rodrigues, diz que com novos conhecimentos ele poderá auxiliar muito mais a comunidade onde trabalha.
“Encontro desafios diários em meu trabalho como conselheiro tutelar, principalmente, no que se refere ao acesso à saúde e educação de qualidade e também com relação à violência que é desenfreada naquela área. Temos muitas crianças fora da escola, o que é um problema grave. Por isso, estou aqui hoje, para buscar conhecimento para poder me articular melhor e assim ter meios de buscar a garantia dos direitos de nossas crianças e adolescentes, tentar mudar a realidade de onde vivo e trabalho”, afirmou o conselheiro.
No início  da formação, o UNICEF, em parceria com a Fio Cruz/Abrasco, divulgou o Índice de Enfrentamento da Violência Intrafamiliar pela Gestão Municipal (IEVIGM) e o índice de Enfrentamento da Exploração Sexual pela Gestão Municipal (IEESGM) para os conselheiros. Dados coletados, em 2014, pela Abrasco em São Luís, que refletem sobre como o governo municipal está se preparando para enfrentar situações de violência contra a criança e o adolescente. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário