Todos por São Luís

terça-feira, 14 de abril de 2015

Conferência Nacional de Educação acontecerá em São Luís

A Conferência Nacional de Educação está prevista para acontecer no mês de maio em São Luís. A realização do evento foi assegurada durante reunião ordinária do Fórum Municipal de Educação (FME). A reunião aconteceu ontem no auditório Reis Perdigão, no Palácio de La Ravardiere, sede da Prefeitura de São Luís, e reuniu representantes de instituições do poder público e da sociedade civil organizada.
Na condição de coordenador do Fórum, o secretário municipal de Educação, Geraldo Castro Sobrinho, conduziu a votação dos presentes que, por ampla maioria, deliberaram a favor da realização da conferência para a aprovação do texto final do Plano Municipal de Educação (PME).
Para presidente do Conselho Municipal de Educação de São Luís, Roberto Mauro Gurgel, a aprovação do texto final do PME será o momento de assegurar mais uma conquista para a área da Educação. Ele também destacou a importância da participação popular e do regime de colaboração das instituições para a aprovação do texto final do documento.
DOCUMENTO – São Luís foi o primeiro município do Maranhão a apresentar a versão preliminar do PME. O documento foi elaborado pela Comissão de Planejamento e Organização do PME e apresentado oficialmente no dia 21 de março de 2014. Para elaborar a versão preliminar, a comissão realizou debates em escolas e promoveu fóruns e plenárias e ainda duas conferências livres, realizadas pelo Conselho Municipal de Educação com representantes da sociedade civil.
O Plano consiste em um conjunto de metas e estratégias para a área da Educação em São Luís para os próximos dez anos. Participação cidadã, gestão democrática, financiamento da educação atualização do currículo e valorização dos profissionais do Magistério são alguns dos temas contemplados pelo documento, que ficou em consulta pública para receber contribuições da população da cidade no site da Prefeitura de São Luís.
A partir do dia 16 de abril, serão realizadas reuniões temáticas com os representantes das entidades com assento no Fórum Municipal de Educação. O objetivo é somar as contribuições para arremate do texto que será levado para votação na Conferência Municipal de Educação. A versão do PME aprovada na conferência segue para votação e aprovação da Câmara de Vereadores e, posteriormente, para sanção pelo prefeito Edivaldo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário