Todos por São Luís

segunda-feira, 4 de maio de 2015

Dilma detesta o Maranhão - Mesmo com governador aliado, Estado perde refinaria e duplicação da BR-135

Dilma sempre teve votação histórica sem pisar no Maranhão
Mesmo tendo o governador Flávio Dino(PCdoB) aliado do Governo Federal, os maranhenses perderam todas as esperanças no Governo Dilma. Um Estado que deu a maior votação para a presidente nas duas últimas eleições - o povo tem recebido o pior tratamento entre todos os estados da federação. Já é notório que Dilma Rousseff(PT) não morre de amores pelo Maranhão. Apesar da votação histórica que sempre teve, ela nunca pisou aqui para pedir voto. É aquele velho dizer: "quem muito se abaixa, o fundo aparece". Deve tratar a gente como aquela prata da casa. Aquela prata que fica na estante esquecida e cheia de poeira.
Cemitério da refinaria: frustração
A presidente prometeu duas obras para o Maranhão  que nos encheu de esperanças. A Refinaria Premium I, em Bacabeira e a duplicação da BR-135. A refinaria virou pesadelo e a duplicação teve também o mesmo destino. Há quem diga que as duas obras faziam parte do mesmo pacote eleitoral. Não dá para entender os motivos de tanto descaso com o povo do Maranhão.
Ministro jogou a pá de cal na obra da BR-135
O Governo Dilma é tão sem rumo que o ministro dos transportes Antônio Carlos Rodrigues  foi ao Congresso Nacional na semana passada dizer que até hoje (depois de 5 meses) não sabe qual é o seu orçamento da pasta. Ou seja, falou com todas as letras, que não tem dinheiro para nada. E esse nada se reflete no fim da tão sonhada e importante obra da BR-135. A rodovia da morte!
Sobre a bancada do Maranhão no Senado Federal só vejo o Roberto Rocha(PSB),isolado, demonstrar preocupação com o fim da duplicação. Os outros dois outros senadores João Alberto(PMDB) e Edson Lobão (PMDB) estão mudos até hoje. Coisas do Maranhão...

Nenhum comentário:

Postar um comentário