Todos por São Luís

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Estudante da rede municipal é homenageada por desempenho em competição de Astronomia

Medalha de bronze na 17ª Olímpiada Brasileira de Astronomia e Astronáutica. Foi esse o prêmio conquistado pela estudante Erlany Duarte Silva França, 15 anos, do 9º ano na Unidade de Educação Básica Justo Jansen (Centro). A adolescente recebeu a medalha e um certificado de participação em cerimônia especial de homenagem, organizada pela gestão escolar. A escola e a professora de Geografia, Lídia Gomes Veras, também foram certificadas em nome da Sociedade Astronômica Brasileira e da Agência Espacial Brasileira.
O secretário municipal de Educação, Geraldo Castro Sobrinho, representou o prefeito Edivaldo na Solenidade. Na ocasião o titular da pasta parabenizou a estudante e os profissionais da escola que trabalharam para estimular a participação dos alunos na competição. "O desempenho da estudante Erlany é fruto da sua própria dedicação e também do trabalho competente dos nossos educadores e educadoras. Em nome do prefeito Edivaldo, cumprimento a estudante e desejo que o seu exemplo seja propagado e seguido por outros colegas. Que nos próximos anos mais medalhas sejam entregue e que ainda mais estudantes possam se destacar", disse o titular da Semed.
No dia da competição, Erlany foi a última aluna da escola a entregar a prova. Estudante da U.E.B. Justo Jansen há oito anos, a participação de Erlany na 17ª Olimpíada de Astronomia veio a partir do incentivo da sua professora de Geografia, Lídia Gomes Veras. "Eu disse para ela que isso é só o começo. Muitas outras conquistas virão se ela continuar com a mesma dedicação", comentou a professora.
A estudante Erlany Duarte fez um agradecimento especial a todos os professores parabenizou a gestora da U.E.B. pela sua dedicação e empenho para melhorar continuamente a escola. "Estou muito feliz por essa conquista. Foi a primeira oportunidade que tive nessa olimpíada e graças a Deus e à minha professora de Geografia consegui um resultado muito satisfatório", destacou.
Saiba mais
A Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA) acontece anualmente e é coordenada por uma comissão formada por membros da Sociedade Astronômica Brasileira (SAB) e da Agência Espacial Brasileira (AEB). O objetivo é disseminar conhecimentos sobre ciências especiais na esala de aula, despertando o interesse nos jovens. A Olimpíada é realizada em fase única, com uma prova composta por dez questões, sendo sete de astronomia e três de astronáutica. Podem participar estudantes do primeiro ano do Ensino Fundamental até o último ano do Ensino Médio. As medalhas são distribuídas conforme a participação obtida. Professores e gestores da escolas participantes também são certificados.


Nenhum comentário:

Postar um comentário